Primeira rede oncológica privada nacional - I.C.O.


O Instituto CUF de Oncologia (I.C.O.), a primeira rede oncológica privada nacional num combate que precisa de todos, instituições públicas e privadas, nacionais e internacionais.

Prioridade estratégica da José de Mello Saúde e da CUF, o I.C.O. conta com a dedicação de mais de 300 especialistas, que trabalham em equipa multidisciplinar em todas as áreas do diagnóstico e tratamento do cancro, utilizando os recursos de infraestrutura, equipamentos tecnológicos de vanguarda – em alguns casos, únicos em Portugal – e processos em toda a rede.


B.I. do Instituto CUF de Oncologia

  • Localização: presente em todas as unidades da rede CUF

Hospital CUF Infante Santo
Hospital CUF Descobertas
Hospital CUF Porto
Instituto CUF Porto
Clínica CUF Belém
Clínica CUF Alvalade
Hospital CUF Torres Vedras
Hospital CUF Cascais
Clínica CUF Mafra
Clínica CUF Sintra
Clínica CUF São Domingos de Rana
Clínica CUF Miraflores
Hospital CUF Santarém
Hospital CUF Viseu


  • Equipa: mais 300 especialistas dedicados
  • Salas de bloco cirúrgico: 33
  • Unidades de Tratamento e Diagnóstico Integrado (UDTI): 14

UDTI Mama
UDTI Pulmão
UDTI Próstata
UDTI Cólon-Retal
UDTI Urologia
UDIT Ginecologia
UDTI Pele
UDTI Cabeça e Pescoço
UDTI Sistema Nervoso Central
UDTI Hematologia
UDTI Digestivo Alto e Hiperplasia Benigna da Próstata
UDTI Sarcoma
UDTI Tumores Endócrinos
UDTI Oncologia Geral e Tumores Raros









Bryan Ruiz já foi pai de Benjamín!




O segundo filho do jogador do Sporting nasceu ontem

Bryan Ruiz já foi pai de Benjamín!

Bryan Ruiz não conteve ontem o orgulho e felicidade junto à esposa Carolina Jaikel pelo nascimento de Benjamín, que pesa 3kg e 900gr e nasceu ontem às 13h30. Desta forma Bryan é pai pela segunda vez, já que há oito anos havia chegado Mathías à sua vida.

"Não há palavras para descrever o momento de nascimento de um filho. É uma avalanche de emoções e sinto-me muito feliz por partilhar este momento único. A Carolina e eu estamos ansiosos por conhecer o Benjamín e começar esta experiência linda e única que traz um filho", comentou Bryan. "A recolha das células estaminais pela Cytothera foi simples e tudo correu bem no parto. Sentimo-nos calmos porque sabemos a segurança que a criopreservação traz para o futuro de Benjamín", explicou.

O futebolista do Sporting e Carolia Jaikel casaram em Maio de 2014 e aumentam assim a sua família, e também a família "sportinguista", porque querem fazer de Benjamín um seguidor do clube do seu pai. Bryan Ruiz foi um dos mais valiosos jogadores na equipa do Sporting na temporada passada e prepara-se novamente com energia e ambição para iniciar o próximo campeonato.


A Cytothera é uma empresa de biotecnologia pertencente ao Grupo Farmacêutico Medinfar, 100% portuguesa, que desenvolve a atividade de criopreservação em Portugal desde 2005. Foi o primeiro laboratório em Portugal e na Europa a disponibilizar o serviço de isolamento e criopreservação de células estaminais do tecido do cordão umbilical. Por ser um Banco Privado, as células estaminais que são confiadas à Cytothera pertencem ao bebé. Os pais ficam responsáveis pelas células estaminais dos seus filhos, até que os mesmos atinjam a maioridade.





"Teatro Ádóque (1974-1982). História dum sonho teatral", de Luciano Reis já em 2.ª edição



Teatro Ádóque "foi, sem sombra de dúvida, um dos mais emblemáticos e dinâmicos espaços de intervenção sociocultural no pós-25 de Abril [de 1974] em Portugal", afirma o autor do primeiro ensaio sobre esta cooperativa artística.
O Teatro Ádóque funcionou na capital, no largo Martim Moniz, num teatro desmontável que pertencera à Companhia Rafael Oliveira, desde setembro de 1974, quando estreou a revista "Pides na grelha", até 1982, quando subiu à cena "Tá entregue à bicharada".
Entre os fundadores desta cooperativa artística contam-se o
 ator, autor e encenador Francisco Nicholson, o cenógrafo Mário Alberto e o coreógrafo Fernando Lima
.



Fundação Manuel Simões
Rua do Carmo, 51, 1º C/D
1200 – 093 Lisboa
Tel. 213 465 365








Técnica minimamente invasiva evita cirurgia em idosos operados ao coração com problemas na válvula aórtica







No âmbito do Dia Mundial Dos Avós que se celebra a 26 de julho:



Milhares de Portugueses são operados anualmente ao coração. Muitos deles, ao fim de algumas décadas, enfrentam a necessidade de uma segunda intervenção e estão a ser adotadas técnicas de vanguarda para evitar as reoperações. O anúncio é da Associação Portuguesa de Intervenção Cardiovascular (APIC) da Sociedade Portuguesa de Cardiologia e surge no âmbito do Dia Mundial dos Avós que se celebra a 26 de julho.

Em Portugal, todos os anos, cerca de 2500 idosos são operados ao coração devido à estenose aórtica, a doença cardíaca mais comum entre os avós e que se caracteriza por um desgaste da válvula aórtica. O tratamento da estenose aórtica passa por um implante de uma válvula nova através de cirurgia de peito aberto ou, de forma menos invasiva, de um implante percutâneo, que permite a colocação da válvula cardíaca por uma incisão de meio centímetro.
De acordo com Rui Campante Teles, cardiologista de intervenção e Presidente da APIC, "nos últimos anos, este número de intervenções tem vindo a crescer, já que com o aumento da esperança média de vida, muitos destes doentes ao fim de uma ou duas décadas têm que enfrentar uma segunda intervenção de substituição da válvula artificial degenerada."
E acrescenta: "em Portugal, esta intervenção é atualmente feita por via minimamente invasiva com menor risco para os doentes e com uma recuperação mais rápida. Só em 2015, uma em cada vinte intervenções por via percutânea deveu-se precisamente a uma substituição de uma válvula artificial degenerada, com resultados muito bons para os doentes, que veem assim recuperada a sua qualidade de vida".
A estenose aórtica é uma doença que se caracteriza pelo aperto da válvula aórtica, cuja função é evitar que o sangue bombeado pelo coração volte para trás. Quando existe este estrangulamento o sangue passa com dificuldade, provocando cansaço, dor no peito e desmaios.
Em todo o mundo, mais de 300 mil pessoas sofrem de estenose aórtica grave e, em Portugal, esta patologia atinge 30 mil pessoas.
As melhorias produzidas pelos medicamentos são muito limitadas e não evitam as complicações mais graves provocadas pela exaustão cardíaca que, após os primeiros sintomas e nos apertos de alto grau, conduz à morte de metade dos doentes no primeiro ano. O tratamento é feito por isso através do implante da válvula aórtica através de cirurgia aberta ou por cateterismo.
Em Portugal, o tratamento das válvulas por cateterismo (o implante percutâneo da válvula), está a aumentar muito, acompanhando o panorama mundial. Este método permite o implante de uma válvula cardíaca através de um pequeno tubo que é introduzido na artéria, não sendo necessário a abertura da caixa torácica, facilitando muito a recuperação e diminuindo o risco.


Centro Colombo conquista prémio ICSC Solar Marketing Awards com o novo espaço Babycare



BabyCare é o espaço dedicado às necessidades das crianças situado no piso 1 do Centro




O Babycare Espaço Bebé e o Centro Colombo recebem o prémio ICSC Solal Marketing Awards na categoria Serviço ao Cliente. Este é um dos mais prestigiados prémios que reúne o melhor do marketing comercial em toda a Europa e na África do Sul.
O Babycare é um espaço dedicado aos visitantes mais novos do Centro e aos seus pais, situado perto do playground, o qual foi pensado ao mais pequeno detalhe, de forma a possibilitar cuidar do bebé, mudar a fralda, amamentar, dar biberon, aquecer a papa ou apenas proporcionar-lhe um momento de maior calma e tranquilidade, de forma que todos estes procedimentos necessários se tornem uma experiência memorável.
Localizado no corredor de crianças do Piso 1, este espaço veio complementar a oferta para famílias do Centro Colombo, espaço detido pela Sonae Sierra e pela CBRE, ganhando agora um dos prémios mais reconhecidos no que respeita às práticas e performances do marketing, o qual é considerado uma referência de qualidade em toda a indústria.
Todo o espaço, desde o conceito, layout e funcionalidades do BabyCare resulta de estudos e observação do consumidor conduzidos pela Sonae Sierra tendo sido integralmente concebidos pelas equipas de Marketing e Arquitetura da empresa.


Enfermeiros ensinam manobras de Suporte Básico de Vida Pediátrico no CHAlgarve



Enfermeiros ensinam manobras de Suporte Básico de Vida Pediátrico no CHAlgarve
Primeiro curso decorre já este sábado, dia 23, no hospital de Faro

Preocupado com o número de mortes por afogamento que se registam anualmente, o Centro Hospitalar do Algarve, em parceria com a Secção Regional do Sul da Ordem dos Enfermeiros, volta a promover nos meses de verão mais uma edição do Curso de Suporte Básico de Vida Pediátrico, com a primeira sessão a decorre já este sábado, dia 23 de julho, no hospital de Faro.

Aberto à comunidade e sob o mote «Gestos que Salvam Vidas», o curso tem a duração de um dia, é gratuito e dirigido a pais, educadores ou outros interessados, tendo as inscrições esgotado em 72 horas, o que por si revela o interesse e importância que população reconhece ao tema.

Ministrado por enfermeiros especialistas na área da pediatria, o programa formativo assenta essencialmente numa componente muito prática, ensinando as principais manobras de suporte básico de vida que podem ser utilizadas em caso de afogamento ou engasgamento de uma criança.

As sessões, cujas inscrições já se encontram esgotada, decorrem nas salas de formação da unidade de Faro do Centro Hospitalar do Algarve nos dias 30 de julho, 20 de agosto e 17 de setembro.

Este curso, desenvolvido há vários anos no Centro Hospitalar do Algarve em parceria com a Secção Regional do Sul da Ordem dos Enfermeiros, tem como objetivo estratégico promover a literacia em saúde e garantir uma maior proximidade entre os cuidados de saúde e a comunidade, ensinado os participantes a agir em situações de afogamento ou engasgamento.








Targus lança novas malas de transporte City Gear


Idealizada para profissionais modernos com necessidades de mobilidade, a nova linha garante espaço, conforto e um design que combina com qualquer ambiente  

A Targus® Inc., fornecedora líder mundial de malas para computadores portáteis e soluções móveis, anunciou o lançamento de uma nova gama de malas de transporte - City Gear - composta por cinco modelos distintos. 

Com um design moderno e elegante que combina perfeitamente com qualquer ambiente de trabalho, desde o mais formal ao mais descontraído, as cinco novas malas da Targus foram desenhadas para responder às principais necessidades e exigências de profissionais com diferentes perfis. O espaço interior foi organizado para acomodar equipamentos tecnológicos de diferentes dimensões e os demais objetos do dia-a-dia. Ao ombro, na mão ou numa estrutura trolley, os utilizadores poderão transportar confortavelmente qualquer um dos modelos City Gear, sabendo que a segurança dos seus dispositivos está garantida.  

A City Gear Backpack é uma mochila leve e elegante que traz consigo uma nova tecnologia - Dome Protection System (DPS) - que protege o computador portátil de uma forma eficiente ao absorver o choque e dispersar a pressão causada pelo peso excessivo do centro do ecrã, a área mais frágil e vulnerável. Com compartimentos dedicados para o computador portátil e para o tablet, devidamente reforçados em termos de segurança, apresenta uma série de bolsas e compartimentos de menor dimensão (alguns deles com fechos) que permitem arrumar acessórios mais pequenos. A comodidade está igualmente garantida. 

As costas e alças de transporte almofadadas e ergonómicas asseguram viagens extremamente confortáveis. Este modelo está disponível em preto/cinzento para portáteis com 14", 15.6" e 17.3".  

Os modelos City Gear Topload e City Gear Messenger são malas de mão ou ombro que suportam o transporte de computadores portáteis de 10" a 17.3". As pegas e a alça almofadadas tornam o transporte não só mais confortável, mas também mais seguro, e a tecnologia Dome Protection System absorve o choque e reforça a proteção de todos os equipamentos. 

O modelo Topload foi concebido para os executivos que necessitam de transportar de uma forma confortável mais do que apenas o seu computador. As bolsas e compartimentos interiores permitem acomodar carregadores, ratos, e demais equipamentos eletrónicos ou de escritório. As bolsas protegem os documentos de rugas e vincos e os fechos permitem guardar em maior segurança itens mais pequenos ou importantes. O modelo Messenger exibe um design especialmente inteligente que, sem comprometer a dimensão e o peso, oferece um espaço útil de arrumação bastante grande graças aos vários compartimentos e bolsas que facilitam a arrumação do portátil ou equipamento eletrónico e dos respetivos acessórios. 

O modelo City Gear Slimlite é a versão extra fina do Messenger. Mais leve, mais simples, mas com múltiplas opções de segurança e organização.

A versão trolley, City Gear Vertical Roller, combina de forma perfeita a versatilidade com a segurança e o conforto. O companheiro de viagem perfeito para quem pretende levar apenas uma mala onde possa colocar tudo, desde os equipamentos aos acessórios, documentos e pertences pessoais. Os múltiplos compartimentos permitem uma arrumação cuidada de todos os objetos. O fecho à volta permite expandir a capacidade desta mala sempre que necessário. A estrutura com rodas facilita o seu transporte, no entanto, o utilizador poderá utilizar também a pega almofadada especificamente concebida para suportar e aligeirar o peso. Este trolley foi concebido para computadores portáteis até 15.6".

O City Gear Backpack está disponível a um preço recomendado de 59,99 euros
O City Gear Topload está disponível a um preço recomendado de 59,99 euros
O City Gear Messenger está disponível a um preço recomendado de 49,99 euros
O City Gear Slimlite está disponível a um preço recomendado de 29,99 euros
O City Gear Vertical Roller está disponível a um preço recomendado de 129,99 euros

Dia Mundial do Cancro de Cabeça e Pescoço - A PRIMEIRA ETAPA É FAZER O RASTREIO

RASTREIOS GRATUITOS AO CANCRO DE CABEÇA E PESCOÇO NA VOLTA A PORTUGAL EM BICICLETA


A Volta a Portugal em Bicicleta é uma corrida realizada por etapas e a primeira etapa para salvar vidas é fazer um rastreio. Este é o mote da campanha "A PRIMEIRA ETAPA É FAZER O RASTREIO" que o Grupo de Estudos de Cancro de Cabeça e Pescoço vai realizar com o apoio da Liberty Seguros para assinalar o 2º Dia Mundial do Cancro de Cabeça e Pescoço.


O Grupo de Estudos de Cancro de Cabeça e Pescoço (GECCP), por ocasião do 2º Dia Mundial do Cancro de Cabeça e Pescoço, que se assinala a 27 de julho, com o apoio da Liberty Seguros vai estar presente naquela que é a prova mais esperada do Ciclismo nacional, a 78ª edição da Volta a Portugal em Bicicleta, com a campanha "A PRIMEIRA ETAPA É FAZER O RASTREIO".

De 26 de julho a 7 de agosto, o GECCP vai percorrer 1.618,7 km de estrada para realizar rastreios gratuitos ao cancro de cabeça e pescoço, uma doença que em Portugal mata três portugueses por dia e que poderia ser diagnosticada e tratada precocemente se houvesse mais informação e sensibilização da população e dos médicos de medicina geral e familiar no nosso país.

"No início do desenvolvimento da doença, o tratamento destes tipos de cancro pode ter uma taxa de sucesso entre os 80% e 90%. Todos os anos, são diagnosticados entre 2.500 e 3.000 novos casos de cancro de cabeça e pescoço em Portugal e 85% das vítimas são fumadores ou ex-fumadores, daí a importância dos rastreios à doença a pessoas com hábitos tabágicos ou de consumo excessivo de álcool" adverte Ana Castro, médica oncologista e Presidente do Grupo de Estudos do Cancro de Cabeça e Pescoço.

Os rastreios gratuitos são sujeitos a uma inscrição prévia na tenda do Grupo de Estudos e vão ser realizados diariamente nos pontos de chegada de todas as etapas da Volta a Portugal durante o período da tarde, entre as 15h00 e as 17h00.

DATA
CIDADE
LOCALIZAÇAO STAND GECCP
26/07/16
Oliveira de Azeméis (Apresentação das Equipas)
Avenida Dr. Ferreira de Castro
27/07/16
Oliveira de Azeméis
Avenida Dr. Ferreira de Castro
28/07/16
Braga
Av. da Liberdade - Parque da Ponte
29/07/16
Fafe
Praça Mártires do Fascismo
30/07/16
Macedo de Cavaleiros
Parque Municipal de Exposições
31/07/16
Mondim de Basto (Srª da Graça)
Avenida Dr. Augusto Brito
01/08/16
Viseu
Avenida Professor Júlio Fragata
02/08/16
Viseu (Dia de Descanso)
Avenida Professor Júlio Fragata
03/08/16
Guarda
Praça Dr. Francisco Salgado Zenha Jardim Municipal José Lemos
04/08/16
Castelo Branco
Praça do Município
05/08/16
Arruda dos Vinhos
Av. Eng.º Adriano Brito da Conceição
06/08/16
Setúbal
Largo José Afonso
07/08/16
Lisboa
Praça do Município

No stand do Grupo de Estudos vai ainda ser possível assinar a Petição Pública "Reabilitação oral dos doentes com cancro de cabeça e pescoço pelo SNS". Esta Petição, lançada pelo GECCP e pela ASADOCORAL, no âmbito do Dia Mundial de Cancro de Cabeça e Pescoço, pretende levar à discussão na Assembleia da República a cobertura, por parte do Serviço Nacional de Saúde, da reabilitação oral dos doentes de cancro de cabeça e pescoço (cujas terapêuticas obrigam, muitas vezes, à extração de dentes e o SNS não prevê apoios na rehabilitação oral).

A seguradora Liberty Seguros, patrocinadora oficial da 78ª edição da Volta a Portugal e da Camisola Azul, através da disponibilização de espaço solidário no evento junto à Ativação da marca e da sua campanha "Ciclas Solidário", este ano associou-se à causa do Cancro de Cabeça e Pescoço.

O Ciclas, a Mascote da Liberty Seguros, este ano vai ter o formato de porta-chaves e vai estar disponível no stand do GECCP para aquisição em todas as cidades de chegada por onde a Volta a Portugal vai passar, mediante um donativo de 5 euros. A verba angariada com esta ação de solidariedade reverte na íntegra para a prevenção do Cancro de Cabeça e Pescoço.


Limiano Ralado



Limiano Ralado tem uma nova imagem mas o sabor suave e a textura amanteigada mantém-se inalterados

O Limiano Ralado tem uma nova embalagem com uma imagem moderna e mais colorida, mas o sabor suave e a textura amanteigada do queijo flamengo Limiano,  muito apreciada pelas famílias portuguesas, mantêm-se para tornar as suas receitas habituais em pratos muito deliciosos e irresistíveis.

Disponível numa embalagem dupla de 2 saquetas de 80g, Limiano Ralado garante todo o sabor e frescura do queijo na sua utilização. Uma forma bem prática de enriquecer o sabor das suas saladas de verão e as refeições práticas do dia-a-dia.

Por ser um queijo de textura amanteigada e muito fácil de fundir, Limiano Ralado, é também o ingrediente ideal para a confeção de pratos no forno ou gratinados, que vão deliciar toda a família, mesmo os intolerantes à lactose e ao glúten.

Limiano. O Queijo que faz parte da Família.


Sobre a Limiano
Limiano é a marca líder do mercado de queijo em Portugal, liderando também os rankings de notoriedade e preferência. É uma marca Portuguesa com mais de 50 anos e o seu produto referência é a Bola de queijo tosca e amanteigada de onde surge toda a inovação da marca em queijo flamengo. As Fatias da Bola Limiano, cortadas diretamente da bola, são um exemplo da conveniência, mas onde se privilegia o autêntico e o genuíno. O lançamento de Limiano Amanteigado de Vaca e Ovelha em 2011 marca a entrada de Limiano no segmento de queijo prato nacional, um produto diferenciador e que conquistou o Master da Distribuição 2012. Em 2014, é lançado o inovador Limiano Segredo do Pastor Sem Casca,  um queijo com leite de vaca e ovelha e com uma textura amanteigada, prático de comer e sem casca. O ano seguinte conta com dois grandes  lançamentos:  Limiano Ralado, o queijo perfeito para enriquecer as receitas caseiras, e pelo reforço que a marca fez na gama de Queijo Prato, com Limiano Meio Gordo Sem Casca.

Sobre a Bel Portugal
A Bel Portugal (www.belportugal.pt) é uma empresa especialista em queijo, com várias marcas que fazem parte dos hábitos alimentares dos portugueses há gerações. É líder do mercado de queijo, detendo as duas maiores marcas - Limiano (www.limiano.pt) e Terra Nostra (www.terra-nostra.pt) - que lideram também o segmento de flamengo. A marca ícone mundial da Bel é A Vaca que ri (www.avacaqueri.pt), que lidera em Portugal o segmento de queijo fundido. Com 3 fábricas em Portugal (2 nos Açores e 1 em Vale de Cambra), a Bel tem uma forte presença local empregando mais de 550 trabalhadores, sendo ativa de ponto de vista social e ambiental.